Fóruns
TiroDinamico.com.br
 Bem Vindo Anônimo ( Log In | Cadastre-se ) Home   Imagens   Links   Calendário   Usuários
Portal   Resultados   Procurar   Ajuda
  Visite o site da PM Cofres Conheça o Snap. Colocar notas nas suas fotos agora é com o Snap!
Páginas: (5) < 1 [2] 3 4 5 > ( Ir para a primeira mensagem não-lida ) Enviar uma resposta ao tópicoCrie um novo TópicoNova Pesquisa
Fundição De Projéteis, Metal Patente
« Tópico Anterior | Próximo Tópico » Monitorar este Tópico | Enviar tópico por email | Imprimir Tópico
Dalmo
Dalmo
Dalmo está offline
Enviado: 19 de março de 2008, 11:21 Responder citando esta mensagem


Grupo: Espectadores
Cadastrado: 12/Dez/07



Clique Aqui Para Ignorar Todas as Mensagens Deste Usuário
Rodrigo, somos dois a gostar muito do assunto, para mim atirar sem recarregar não tem graça. A minha Puma é levemente preparada, quando eu fui comprá-la eu liguei na Rossi e falei com um engenheiro que eu tinha contato, falei que estava comprando a arma e que queria uma arma muito boa, porque iria atirar silhoetas metálicas, que já tinha tido muitas carabinas Pumas , etc. Resumindo, amolei pra caramba o engenheiro falando que eu queria uma arma muito boa. Quando a arma chegou até o dono da loja se assustou com a arma, muito bem ajustada, com a coronha lindíssima, o mecanismo extremamente polido, disse nunca ter visto uma Puma como aquela, e já tinha vendido uma penca delas.. Comecei a atirar com ele e descobri pouco tempo depois que a Rossi podria fazer um cano especial para mim. Combinei então na Rossi que eles fariam um cano com raiamento .356, de 20" e que eu mandaria a arma para a fábrica afim de ser instalado o cano. Quando recebi a arma fiquei boquiaberto com o balanço dela, ter dimunuido o comprimento do cano das 24" originais para 20", mas mantendo o perfil octagonal original da arma deixou-a uma plataforma de tiro. Desde então eu tenho tentado desenvolver algumas cargas que funcionem bem nela. Já tenho duas cargas que ficaram ótimas, mas ainda não explorei nem um décimo do potencial Arma/munição. Como não estou tendo acesso a material de recarga importado, estou me extremando no cuidado com a recarga, criando um padrão de preparação da cápsula, pesando os projéteis um a um e separando-os por lotes, etc. Mas tenho alcançado bons resultados. Eu já consegui uma carga com a qual a Puma faz exatamente 1" de grupo de cinco tiros a 100 metros de distância. E essa carga é das fortes, projétil encamisado total, base concava, 158grains de peso. com 13.5 grains de CBC 220. Dá para usar pontas SP ou Hp semi jaquetadas com o mesmo peso, mas nessas pontas a precisão é afetada pois não conseguí assentar todos os projéteis na mesma profundidade. Como as pontas de chumbo são macias, o comprimento total da munição fica igual, mas alguns projéteis amassam levemente a ponta, e como vc sabe, meio milímetro para mais ou para menos entre a base do projétil e a pólvora já alteram a pressão quando da queima da pólvora, influênciando na precisão final. Eu tenho fugido da 2836 para cargas .357 porque elas estragam muito as cápsulas. Já a CBC220 não detona tão rápido as cápsulas.

______________________
Turma das espoletas SSSSLASSSSHHHH.
 
Enviar uma Mensagem Pessoal ao autor Enviar email ao autor desta mensagem  Top
mmartins
márcio martins
mmartins está offline
Enviado: 19 de março de 2008, 18:13 Responder citando esta mensagem


Grupo: Espectadores
Cadastrado: 18/Abr/06



Clique Aqui Para Ignorar Todas as Mensagens Deste Usuário
Amigos, sou atirador de silhueta metálica tb e até hoje não entrei num acordo com minha Puma 20´´ com projéteis de chumbo, tenho usado projéteis Buffalo 158g ogival e dá chumbamento com 10,5 g de 220 e com 6,5 g de 207. Com projéteis CBC encamisados uso 13,6 de 220 e obtenho 2 polegadas a 100 metros, mas quem aguenta comprar projéteis jaquetados, rsrsr. Estou à procura de uma coquilha de boa qualidade e uma liga de dureza compatível com a CBC 220 e 207. Tenho uma coquilha Lee de desenho cone truncado de 140 grains que comprei de um amigo mas acho que só vai servir pro meu S&W 686. Não tenho aparelho para medir dureza por isso preciso da ajuda de vcs para adquirir tal material. Conto com vocês.
Obrigado
Márcio
 
Enviar uma Mensagem Pessoal ao autor Enviar email ao autor desta mensagem Ver status no yahoo  Top
Dalmo
Dalmo
Dalmo está offline
Enviado: 19 de março de 2008, 22:45 Responder citando esta mensagem


Grupo: Espectadores
Cadastrado: 12/Dez/07



Clique Aqui Para Ignorar Todas as Mensagens Deste Usuário
Márcio, tudo certo ? Seguinte, a 207 é meio rápida para o .357 na Puma, o cano dela é bem longo e a munição .357 de revólver funciona diferente na Puma. Sei que vou levar pedrada, mas...eu não gosto da 207 na puma, acho que a CBC 220 com projéteis mais pesados fica ótima na Puma, melhor que a 207. Sobre os projéteis, eu estive usando 10,0 grains de 220 com projétil de chumbo duro Sniper 167 grains, modelo Keith. Só experimentei essa carga nos 50 metros, mas ela estafa fazendo grupos de 18m/m nessa distância. Só não levei os experimentos com essa carga para frente por dois motivos, 1° que o projétil "canta" pra caramba, por causa das arestas. 2° porque a queda dele é muito grande, acho que por causa do desenho Keith. Quando regulava a mira para 25metros e atirava a 50 o projétil caia uns 5cm. Acho os projétei da Bufallo muito macios para a Puma. A sua carga de 12.6 de 220 para projétil encamisdos é boa. Eu uso 13,5 de 220 para pontas de 158 grais Semi jaquetadas, com muito bom resultado. Tenho atirado com 13 grains de 220 e projéteis fundidos em molde modelo silhouete da RCBS, com 180 grais de peso e Gas-Check. A 100metros faz 1"1/2. É uma ótima carga, mas o projétil acaba ficando quase o preço do Semi-jaquetado.

______________________
Turma das espoletas SSSSLASSSSHHHH.
 
Enviar uma Mensagem Pessoal ao autor Enviar email ao autor desta mensagem  Top
rodbullets
Rodrigo Toledo Rodrigues
rodbullets está offline
Enviado: 19 de março de 2008, 22:46 Responder citando esta mensagem


Grupo: Espectadores
Cadastrado: 16/Mar/08



Clique Aqui Para Ignorar Todas as Mensagens Deste Usuário
Ola Marcio. Primeiro gostaria de saber se estes projeteis da Bufalo são fundidos ou pressados. Pois se forem prensados , ainda nao conheço nenhum que nao chumbe o cano, apesar de serem, teoricamente mais precisos, mais chumbam demais o cano mesmo. Agora se forem fundidos, ai é questao da cera lubrificante e da dureza do projetil. Um teste arcaico de se fazer é raspar com a unha bem com força o projétil , se voce conseguir tirar material (chumbo) o chumbo esta "mole", pois a dureza da unha é de 12 a 14 brinell. Mas é um teste meio falho mas dá para ter uma ideia. Quando comecei a recarregar, eu tinha uma 7,65 Taurus, e tentava desenvolver uma liga que nao chumbasse o cano mas que nao precisasse de usar a "tal cerinha" que era uma encrenca, pois na epoca nao tinha calibrificadora entao o jeito era ir passando com o dedo mesmo e dava um trabalho danado. Para voce ter uma ideia, eu fiz uma liga tao dura que o projetil que pesava 78 grains passou a pessar 55 grains se nao me falhe a memoria, mas ficou muito duro mesmo e fui todo animado para o club de tiro para testar a tal munição  e dei com os burros nagua pois com menos de 20 tiros já tinha chumbamento no cano. Fiquei com muita raiva daquilo pois acreditava que nao ia dar chumbamento. ai em outra data fui no estande levando uma munição com liga de chumbo puro , 8 brinell e com a danada da cerinha maldita e nao é de ver que nao deu menhum chumbamento com 100 tiros que dei. Entao , conclusao, no caso da 7,65 , que acho que pode abranger todos os calibre , a tal cerinha é importanticima no projetil, infelizmente, pois é ela que traz aquele incomodante fumaça a mais que atrapalha os atiradores. Vou te recomendar as coquilhas da Recargamatic e em especifico uma de 180 grains, apesar de nao te-la mas em breve vou pedir uma , é considerada uma das melhores para a silhueta pelo pessoal daqui. E sobre a liga , tente ai na sua cidade percorrer alguns ferro-velhos atras de linotipo ou monotipo que dá para fazer umas pontas bem durinhas viu. nao ponha mais doque 25% de linotipo no chumbo pois da muita borra e cai muito o peso do projetil. Valeu gente, se precisar de mais algumas dicas estou as ordens. E se alguem tem uma discordancia por favor, fale, pois ela, a discordancia é o amor a causa e estou aberto a mudanças de ideias. ha a cera é a velha receita do tempo que o pao de acucar era cupim: 2 kg de cera de abelha, 1 kg de parafina e 1 litro ( dois vidros de 500ml) de oleo bardall prolonga, valeu.
 
Enviar uma Mensagem Pessoal ao autor Enviar email ao autor desta mensagem Enviar mensagem pelo MSN  Top
Felipe Y
Felipe Y está offline
Enviado: 20 de março de 2008, 11:37 Responder citando esta mensagem


Grupo: Espectadores
Cadastrado: 4/Nov/05



Clique Aqui Para Ignorar Todas as Mensagens Deste Usuário
Seja bem vindo ao Forum meu amigo...a propósito, não se preocupe com o texto, em materia de armas todos aqui se empolgam hehehehehe....bem e  obrigado pelas informações, estamos por ai, abraços.
 
Enviar uma Mensagem Pessoal ao autor Enviar email ao autor desta mensagem Enviar mensagem pelo MSN  Top
Químico2 Ver Foto do Usuário
Químico2 está offline
Enviado: 20 de março de 2008, 11:43 Responder citando esta mensagem


Grupo: Range Master
Cadastrado: 4/Nov/03



Clique Aqui Para Ignorar Todas as Mensagens Deste Usuário
Uma boa dica para quem se aventura a fundir seus próprios projeteis de chumbo, é de temperar os projeteis para aumentar a dureza do mesmo.

Após os mesmos estarem já sólidificados na coquilha, mas ainda bem quentes, jogar em um balde com água fria ...

Simples e bem eficiente.


Químico2

______________________
José Roberto

Associação Campineira de Tiro

FPTE
 
Enviar uma Mensagem Pessoal ao autor Enviar email ao autor desta mensagem  Top
Dalmo
Dalmo
Dalmo está offline
Enviado: 20 de março de 2008, 12:12 Responder citando esta mensagem


Grupo: Espectadores
Cadastrado: 12/Dez/07



Clique Aqui Para Ignorar Todas as Mensagens Deste Usuário
Poxa, não sabia da receita da cera, vou fazer para experimentar. Alguém já fundiu bala ideal para espingardas? Eu estou querendo comprar um molde para projétil singular calibre , mas não tenho muita experiência com essa munição.

______________________
Turma das espoletas SSSSLASSSSHHHH.
 
Enviar uma Mensagem Pessoal ao autor Enviar email ao autor desta mensagem  Top
Felipe Y
Felipe Y está offline
Enviado: 20 de março de 2008, 21:21 Responder citando esta mensagem


Grupo: Espectadores
Cadastrado: 4/Nov/05



Clique Aqui Para Ignorar Todas as Mensagens Deste Usuário
CITACAO (Químico2 em 20 de março de 2008, 12:43)
Uma boa dica para quem se aventura a fundir seus próprios projeteis de chumbo, é de temperar os projeteis para aumentar a dureza do mesmo.

Após os mesmos estarem já sólidificados na coquilha, mas ainda bem quentes, jogar em um balde com água fria ...

Simples e bem eficiente.


Químico2

Dentro do q nosso amigo Quimico citou, se a água for mineral, o projétil fica com um aspecto "Prateado Claro" muito bonito, devido à ausência de Cloro (no caso de água da torneira q deicha o chumbo "Turvo")....mais um detalhe interessante, abraços
 
Enviar uma Mensagem Pessoal ao autor Enviar email ao autor desta mensagem Enviar mensagem pelo MSN  Top
rodbullets
Rodrigo Toledo Rodrigues
rodbullets está offline
Enviado: 21 de março de 2008, 11:27 Responder citando esta mensagem


Grupo: Espectadores
Cadastrado: 16/Mar/08



Clique Aqui Para Ignorar Todas as Mensagens Deste Usuário
Ola pessoal. Alguem sabe me dizer como ou onde consigo as velocidades de queima das polvoras da Imbel.
 
Enviar uma Mensagem Pessoal ao autor Enviar email ao autor desta mensagem Enviar mensagem pelo MSN  Top
rodbullets
Rodrigo Toledo Rodrigues
rodbullets está offline
Enviado: 21 de março de 2008, 11:32 Responder citando esta mensagem


Grupo: Espectadores
Cadastrado: 16/Mar/08



Clique Aqui Para Ignorar Todas as Mensagens Deste Usuário
CITACAO (Felipe Y em 20 de março de 2008, 22:21)
CITACAO (Químico2 em 20 de março de 2008, 12:43)
Uma boa dica para quem se aventura a fundir seus próprios projeteis de chumbo, é de temperar os projeteis para aumentar a dureza do mesmo.

Após os mesmos estarem já sólidificados na coquilha, mas ainda bem quentes, jogar em um balde com água fria ...

Simples e bem eficiente.


Químico2
Dentro do q nosso amigo Quimico citou, se a água for mineral, o projétil fica com um aspecto "Prateado Claro" muito bonito, devido à ausência de Cloro (no caso de água da torneira q deicha o chumbo "Turvo")....mais um detalhe interessante, abraços

gostei da ideia da agua mineral. vou fazer um teste e confirmo depois.
 
Enviar uma Mensagem Pessoal ao autor Enviar email ao autor desta mensagem Enviar mensagem pelo MSN  Top
mmartins
márcio martins
mmartins está offline
Enviado: 21 de março de 2008, 12:05 Responder citando esta mensagem


Grupo: Espectadores
Cadastrado: 18/Abr/06



Clique Aqui Para Ignorar Todas as Mensagens Deste Usuário
Obrigado pelas dicas amigos. Por acaso sabem o preço médio das coquilhas do Eloir? E o calibrificador, o último preço que me passaram o preço eu quase caí de costas, rsrsr. Por aqui acho meio difícil encontrar o linotipo, me disseram que era usado nas gráficas antigas. Quanto ao monotipo, o que é? Tb acho em ferros-velhos? Aquele chumbo de balanceamento de automóveis é muito mole? Hoje chegou meu cronógrafo e acabo de vir do Clube e tive uma surpresa, cápsula .357 cbc, ponta cbc semi-jaq soft 158 grais e duas cargas, 12,6 de 220 e 13,5 de 220, Puma 20 polegadas:
resultado  primeira carga   1.650 fps, segunda carga   1.649 fps
será no "crimp" que estou pecando? As munições foram carregadas com a mesma regulagem de dies (RCBS), só coloquei mais pólvora.
No revólver (S&W 686 - 6")tb não teve diferença, 12,6  com 994,7 fps  e  13,5  com 1020 fps, o que acho que deveria ser um pouco mais tb. Será que terei uma velocidade maior com 207 no revólver?
Gente, desculpa o monte de dúvidas mas estou tentando entrar num acordo em relação às cargas e apelo pra quem tem mais experiência.
Quanto aos projéteis da Buffalo, são fundidos.
 
Enviar uma Mensagem Pessoal ao autor Enviar email ao autor desta mensagem Ver status no yahoo  Top
rodbullets
Rodrigo Toledo Rodrigues
rodbullets está offline
Enviado: 21 de março de 2008, 15:01 Responder citando esta mensagem


Grupo: Espectadores
Cadastrado: 16/Mar/08



Clique Aqui Para Ignorar Todas as Mensagens Deste Usuário
CITACAO (mmartins em 21 de março de 2008, 13:05)
Obrigado pelas dicas amigos. Por acaso sabem o preço médio das coquilhas do Eloir? E o calibrificador, o último preço que me passaram o preço eu quase caí de costas, rsrsr. Por aqui acho meio difícil encontrar o linotipo, me disseram que era usado nas gráficas antigas. Quanto ao monotipo, o que é? Tb acho em ferros-velhos? Aquele chumbo de balanceamento de automóveis é muito mole? Hoje chegou meu cronógrafo e acabo de vir do Clube e tive uma surpresa, cápsula .357 cbc, ponta cbc semi-jaq soft 158 grais e duas cargas, 12,6 de 220 e 13,5 de 220, Puma 20 polegadas:
resultado  primeira carga   1.650 fps, segunda carga   1.649 fps
será no "crimp" que estou pecando? As munições foram carregadas com a mesma regulagem de dies (RCBS), só coloquei mais pólvora.
No revólver (S&W 686 - 6")tb não teve diferença, 12,6  com 994,7 fps  e  13,5  com 1020 fps, o que acho que deveria ser um pouco mais tb. Será que terei uma velocidade maior com 207 no revólver?
Gente, desculpa o monte de dúvidas mas estou tentando entrar num acordo em relação às cargas e apelo pra quem tem mais experiência.
Quanto aos projéteis da Buffalo, são fundidos.

Olá. As coquilhas do Eloir (Recargamatic) custam R$265,00 com 4 cavidades, fiz uma cotação a pouco tempo. Quanto a sua recarga, gostaria de te dar duas sugestões, se for possível e se estas não estão sendo feitas, é claro:

1-     A ultima operação de recarga, descer o projétil e crimpar, peço que faça separadamente, desça o projétil sem usar o crimpe do dies, levantando o dies e descendo o que regula a altura do projétil. É mais trabalhoso, mas costuma dar certo, ok.

2-     Diminua um pouco seu crimpe mesmo sabendo que vai perder um pouco de velocidade.

Desculpe meus palpites, mas observo muitos atiradores crimpando excessivamente a munição e vários me reclamam que o projétil esta chumbando. Claro, vai aumentar o tempo de exposição do chumbo com a pólvora no ponto mais critico da arma, a câmara, e tmb afetar o diâmetro do projétil quando se faz um crimpe muito forte, é fato, já fiz o teste e peço que façam tmb. Um teste simples: carreguem sua munição e desmontem no martelo de inércia e meçam o diâmetro do projétil.  Então cuidado com crimpe, eu julgo que 70% da precisão esta na qualidade desta operação.

Linotipo e monotipo são as mesmas coisas, só mudam o nome e é verdade, são das maquinas antigas de gráficas. O chumbo de roda quase alcança dureza 10 brinell, que é a dureza recomendada para 38 , 32 , 7,65 e outros calibres mais “fracos”.

Sobre sua ultima recarga, achei interessante, já li alguns relatos disso. Dizem que não adianta você aumentar a carga de pólvora se não tem espaço para queimá-la, creio que o limite da queima do seu conjunto seja os 12,6 grains ou menos, é de se testar com menos para ver no que que dá. Estranho é ter acontecido no revolver tmb! Uma tentativa de aumentar sua velocidade é aumentando a velocidade de queima da pólvora, lembrando que quanto mais veloz menor é a tolerância. Tente a pólvora 210, é a intermediaria em velocidade de queima entre a 207, Estas são as velocidades: 0,95(220), 0,85(210) e 0,75(207).

 

 
Enviar uma Mensagem Pessoal ao autor Enviar email ao autor desta mensagem Enviar mensagem pelo MSN  Top
Dalmo
Dalmo
Dalmo está offline
Enviado: 21 de março de 2008, 17:35 Responder citando esta mensagem


Grupo: Espectadores
Cadastrado: 12/Dez/07



Clique Aqui Para Ignorar Todas as Mensagens Deste Usuário
MMartins, engraçado o resultado das cargas com 220 na Puma, mas isso acontece. Eu sabia que a velocidade da carga com 13,0grains era na casa dos 1650P/s, pois já tinha edido a carga. A carga com 13,5 grains eu numca medi, cheguei a ela aumentando a carga de pólvora até que o agrupamento aumentasse, aí eu parava na carga que agrupa mais. Agrupa mais mas não necessáriamente aumenta a velocidade... Sobre o crimp, Eu tenho uma ferramente avulsa da RCBS só para assentar os projéteis, e uma só para crimpar. Realmente os reultados são muito melhores se fizer em duas operações. Lembrei de uma última obsevação. As cápsulas .357 que atiro na Puma eu não calibro inteiras, calibro apenas o pedaço que vai segurar o projétil. As cápsulas ficam meio embarrigadas, mas aumenta minimamente o espaço interno, e duram mais.

______________________
Turma das espoletas SSSSLASSSSHHHH.
 
Enviar uma Mensagem Pessoal ao autor Enviar email ao autor desta mensagem  Top
mmartins
márcio martins
mmartins está offline
Enviado: 22 de março de 2008, 07:50 Responder citando esta mensagem


Grupo: Espectadores
Cadastrado: 18/Abr/06



Clique Aqui Para Ignorar Todas as Mensagens Deste Usuário
Amigos, tenho um jogo de dies da lee novos, sem uso, vou tentar então colocando o lee regulando a altura do projétil e o rcbs crimpando pra fazer um teste. Quanto às pólvoras, só para efeito de teste, vou fazer umas cargas e testá-las nas duas armas.
Rodbullets, seria difícil conseguir alguns projéteis de 180 grains de sua fabricação para eu fazer uns testes? Se for possível, me manda uma MP.
Ontem fiz uns teste com pólvora 219,  5,3 e 4,9grains e percebi que a maior tb chumba o cano da Puma, a menor não, mas estas cargas só servem para Field (100m), e eu corro atrás é da Big.
Amigos, mais uma vez obrigado pela atenção.
Abraço,
Márcio
 
Enviar uma Mensagem Pessoal ao autor Enviar email ao autor desta mensagem Ver status no yahoo  Top
Dalmo
Dalmo
Dalmo está offline
Enviado: 22 de março de 2008, 13:06 Responder citando esta mensagem


Grupo: Espectadores
Cadastrado: 12/Dez/07



Clique Aqui Para Ignorar Todas as Mensagens Deste Usuário
mmartins, olha o projétil de 180grains, com Gas-Check fundidos no molde modelo sulhouete da RCBS

Imagem Anexada (clique na imagem para ampliar)

Imagem Anexada (clique na imagem para ampliar)



______________________
Turma das espoletas SSSSLASSSSHHHH.

 
Enviar uma Mensagem Pessoal ao autor Enviar email ao autor desta mensagem  Top
66 respostas desde 12 de março de 2008, 15:09 Monitorar este Tópico | Enviar tópico por email | Imprimir Tópico
Páginas: (5) < 1 [2] 3 4 5 >
Tópico Qualquer coisa
Enviar uma resposta ao tópicoCrie um novo TópicoNova Pesquisa

 

  Visite o site da PM Cofres Conheça o Snap. Colocar notas nas suas fotos agora é com o Snap!